Buscar
  • Caroline Figueiredo

CNIS: o que é e onde conseguir




Todo o advogado previdenciarista com certeza vai precisar desse documento para analisar um cenário de aposentadoria. A correção dos dados ali contidos é indispensável para a concessão da tua aposentadoria na data devida e no valor correto, e ele serve como base para o planejamento previdenciário.


Mas afinal, o que é CNIS?

Também chamado de Extrato Previdenciário, o CNIS nada mais é do que o Cadastro Nacional de Informações Sociais. Ele contém toda a tua vida laborativa — ou deveria conter —, informa os locais em que você trabalhou, quais os salários que ganhou, se recebeu algum benefício previdenciário, quando foi demitido... É um histórico de todas as contribuições realizadas em teu nome para a Previdência Social.

É com base nesse documento que o INSS vai conceder a tua aposentadoria. Por isso, se ele tiver algum erro, é bem possível que tua aposentadoria também tenha. Mas fica calmo, é possível realizar uma ratificação de CNIS, corrigindo as informações que estão equivocadas.


Como corrigir um CNIS com erros

Antes de mais nada, é necessário que o teu advogado verifique, mediante análise de documentos e com base nas informações que você prestou, se de fato existe algum erro. Caso seja constada alguma incorreção, é necessário reunir documentos que demonstrem que o CNIS está errado, e que comprovem a necessidade da alteração.

Por exemplo, se algum salário está equivocado, é possível pedir correção com a apresentação do contracheque. Por outro lado, se não consta uma data de saída no emprego, a Carteira de Trabalho pode demonstrar essa data. A documentação necessária vai depender de cada caso, mas um advogado previdenciarista consegue te auxiliar nessa demanda.


Onde encontro esse documento?

Para verificar se está tudo ok no sistema do INSS com os teus vínculos empregatícios, o primeiro passo é pegar esse documento. Ele fica disponível no Portal Meu INSS, que tem um botão específico com o nome “CNIS – Extrato Previdenciário”, possibilitando o acesso e o download do documento.

Ele pode ser um documento bastante extenso, a depender de como foi a tua vida laborativa. E, para verificar se está tudo correto, é necessário verificar vínculo por vínculo, data por data, salário por salário... Pode ser um procedimento bastante demorado e cansativo.


Esse documento é a base de qualquer benefício previdenciário, e a análise correta dele pode determinar o futuro do teu benefício. Justamente por isso ele também é a base do Planejamento Previdenciário.

Por isso, meu conselho é que você um advogado da tua confiança que possa fazer essa verificação.


Se você tiver alguma dúvida, deixa aqui nos comentários ou entra em contato comigo. Um abraço, e até mais!

15 visualizações0 comentário